Fire hair + ser modelo


 Mais ou menos um mês atrás uma amiga me indicou pra ser modelo de cabelo em um workshop de cabeleleiros aqui em Fortaleza. Eu, que já era mais acostumada a ter o cabelo nos tons de azul/roxo/verde/rosa fui questionada sobre pintar de cores quentes e, como uma mudança é sempre bem vinda, topei na hora. O proposto era fazer esse estilo "fogo" no cabelo usando vermelho, laranja e amarelo. Essa técnica deu um trabalhinho pra fazer, principalmente porque meu cabelo tinha resquícios de roxo e rosa (pra quem também pinta sabe que o rosa é um inferno pra sair e nem sequer sai todo), então tinha todo o processo de limpeza de cor antes de tudo mas o resultado ficou maravilhoso. A melhor parte é que esse cabelo brilha (SIM!) na luz negra e nela dá pra ver o efeito "fogo" perfeitamente já que o amarelo destaca mais. Então sim, talvez eu mantenha essas cores até desbotar tudo porque tô bem apaixonadinha.


Outra experiência que eu tive foi a de modelar para fotos e vídeo para divulgação nas redes sociais. Entendam que, com minha ausência de beleza facial eu definitivamente nunca fui vista como modelo em potencial e com meus vários problemas de autoestima, eu nunca nem pensei em ser uma. Porém, eu topei essa vez e, apesar de ter o hábito de procurar todos os meus defeitos nas fotos e não conseguir focar em outra coisa além deles, até que eu consigo achar essas fotos bonitas. O que importa mesmo é meu cabelim de fogo fofo né mores.

Cabelo e fotos por:

Tintas usadas da marca

Parceria com desconto! + Coisas que eu quero.


Esse post tá fora da planejamento de postagens que eu fiz mas é por uma boa razão. Tava dando uma stalkeada em umas lojas online e eis que eu me deparo com essa belezinha que é a Ancora Store que, além de ter bolsas e mochilas maravilhosas, ainda disponibiliza os produtos com frete grátis para todo o Brasil e, se for sua primeira compra, tem direito a desconto também! E a melhor: agora o Alegorias de Plutão é parceiro dessa loja linda e quem comprar usando o código daqui do blog (ALEGORIAS) ganha desconto também! Corram lá mores e aproveitem. A foto é do mais novo item da minha wishlist de 2017 que, inclusive, eu já vou providenciar, que é a Bolsa Coruja Retrô, fofa demais, não é? O único problema que eu encontrei foi na hora de escolher a cor, não consigo me decidir e quero todas mesmo.



a amplitude do vazio e um olá


Você tem uma ideia, se esforça para colocá-la em prática, faz tudo que tem que fazer e no quando pensa que tá dando tudo certo... E agora? Isso foi o que eu senti quando criei o blog, decidi tudo sobre o que ia postar aqui, consegui um layout, personalizei etc. Lembrei que nunca sei como começar as coisas, tipo uma conversa (depois do "oi, tudo bem?" vem o que?). Agora essa dúvida: como começar. 
Apresentações: me chamo Jéssika, tenho vinte anos, curso oceanografia e tenho certeza de que quero me especializar na área biológica; desde que comecei a pintar, não aguento passar muito tempo com o cabelo de uma cor só; não sei usar roupas combinando; 70% das minhas redes sociais são preenchidas com fotos/notícias das minhas gatas.



De acordo com o google:
blogue
substantivo masculino
  1. intern página pessoal, atualizada periodicamente, em que os usuários podem trocar experiências, comentários etc., ger. relacionados com uma determinada área de interesse.

A vontade de criar uma conta no blogger eu sempre tive mas me faltava um empurrão pra colocar a ideia em movimento. Não muito tempo atrás, tive uma desilusão amorosa. Nada do tipo "vou morrer" mas ainda assim senti aquele baque na autoestima, bate a bad profunda e o pânico do pensamento de que nada nunca vai dar certo. Os amigos disseram "parte pra outra", a mãe disse "vai estudar", o psicólogo disse "tome um tempo para si mesma" e eu fiquei perdida e resolvi dar um tempo para me entender. Resolvi expor. Muitas pessoas já passaram por isso e situações bem piores, tenho certeza mas, como lidar com isso? Não é sobre um possível relacionamento perdido, é sobre a sensação de nunca ser suficiente, de ser defeituosa de alguma forma irreparável nesse quesito. Como lidar?


Follow my blog with Bloglovin